Anúncio
Anúncio

Notícias do Mercado de Ações

  • B3, em São Paulo
    Reuters

    Por Andre Romani SÃO PAULO (Reuters) – O Ibovespa caía na tarde desta quarta-feira, caminhando para sua segunda queda seguida, em sessão volátil por conta da baixa liquidez e diante de desempenho misto das bolsas no exterior.

  • Bolsa de Frankfurt, Alemanha
    Reuters

    Por Anisha Sircar e Shashank Nayar (Reuters) – As ações europeias recuaram nesta quarta-feira, uma vez que as infecções recordes de coronavírus deixaram investidores cautelosos e quedas em papéis de tecnologia, saúde e viagens lideraram as vendas nas negociações de baixo volume do fim de ano.

  • B3
    Reuters

    Por Andre Romani SÃO PAULO (Reuters) – O principal índice da bolsa brasileira variava entre perdas e ganhos nesta quarta-feira, em sessão volátil, diante de clima mais ameno nos mercados internacionais, conforme o feriado de Ano Novo se aproxima e a liquidez diminui.

  • Placa de Wall Street em Manhattan, Nova York
    Reuters

    Por Medha Singh e Bansari Mayur Kamdar (Reuters) – O S&P 500 rondava máximas recordes nesta terça-feira, com a confiança na economia dos Estados Unidos ajudando investidores a afastar preocupações sobre interrupções de viagens e fechamentos de lojas causados pela variante Ômicron do coronavírus, com Wall

  • B3 em São Paulo
    Reuters

    SÃO PAULO (Reuters) – O principal índice da bolsa brasileira operava próximo da estabilidade nos primeiros negócios nesta terça-feira, mesmo diante da manutenção de humor favorável aos ativos de risco no exterior, com os índices futuros de ações atingindo máximas históricas nos Estados Unidos.

  • Pessoas transitam pelo lobby da Bolsa de Londres, Reino Unido
    Reuters

    Por Anisha Sircar (Reuters) – As ações europeias fecharam em alta em dia de pouco volume nesta segunda-feira, lideradas por ganhos em papéis de tecnologia e saúde, com a farmacêutica suíça Roche subindo com a aprovação regulatória para produtos relacionados à Covid-19.

  • Bolsa de Valores de Xangai durante a epidemia de coronavírus, no distrito financeiro de Pudong
    Reuters

    XANGAI (Reuters) – As ações da China fecharam em leve baixa nesta segunda-feira com perdas no setor de consumo compensando os ganhos em empresas imobiliárias, conforme o aumento das infecções locais por coronavírus pesaram sobre o sentimento antes do feriado do Ano Novo.

  • Bobinas de aço
    Reuters

    PEQUIM (Reuters) – Os futuros do aço inoxidável chinês ampliaram os ganhos para a terceira sessão consecutiva nesta quinta-feira, subindo até 3% com as expectativas de produção mais baixa, mesmo com a demanda sendo prejudicada pelo consumo sazonal mais baixo.

  • Pessoa se protege da chuva ao passar em frente ao prédio da Bolsa de Londres
    Reuters

    Por Anisha Sircar e Shashank Nayar (Reuters) – As ações europeias fecharam perto de máximas em uma semana nesta quarta-feira, lideradas por ganhos em papéis de tecnologia e industriais, mesmo com investidores preocupados com a perspectiva de recuperação global em meio ao aumento nos casos de

  • Pedestre caminha em frente à Bolsa de Valores de Xangai
    Reuters

    XANGAI (Reuters) – As ações da China fecharam estáveis nesta quarta-feira uma vez que as perdas nas incorporadoras imobiliárias compensaram os ganhos nas empresas automotivas e de tecnologia.

  • Operadores usando máscaras de proteção trabalham na Bolsa de Nova York, EUA
    Reuters

    Por Lewis Krauskopf e Shreyashi Sanyal e Bansari Mayur Kamdar

  • Mina de carvão em Yuncheng
    Reuters

    SÃO PAULO (Reuters) – A mineradora Vale informou nesta terça-feira que fechou acordo vinculante com a Vulcan Minerals para vender a mina de carvão Moatize e o Corredor Logístico Nacala pelo total de 270 milhões de dólares, de acordo com nota ao mercado.

  • Telão em Xangai mostra flutuação dos mercados acionários
    Reuters

    XANGAI (Reuters) – As ações da China avançaram nesta terça-feira, com os papéis do setor imobiliário liderando os ganhos em meio a crescentes sinais de afrouxamento da política monetária, enquanto as empresas relacionadas a turismo se recuperaram com o alívio dos temores sobre a variante Ômicron

  • Bolsa de Valores de Xangai durante a epidemia de coronavírus, no distrito financeiro de Pudong
    Reuters

    XANGAI (Reuters) – O mercado acionário da China fechou em baixa nesta segunda-feira uma vez que o corte da taxa referencial de empréstimo do país falhou em melhorar o sentimento do investidor, com analistas dizendo que seu impacto sobre a economia será limitado.

  • Pessoas passam pela frente de painel eletrônico com cotações do mercado financeiro
    Reuters

    XANGAI (Reuters) – Um índice das principais ações da China caiu nesta sexta-feira, registrando sua maior perda semanal em três meses, com investidores locais e estrangeiros preocupados com restrições regulatórias dos EUA e da China e com um ressurgimento global dos casos de Covid-19.

  • Pessoas caminham em rua de Amsterdã
    Reuters

    BRUXELAS (Reuters) – A inflação na zona do euro bateu em novembro sua taxa mais alta já registrada, confirmou o escritório de estatísticas da União Europeia (UE), Eurostat, nesta sexta-feira, com mais da metade do aumento devido à alta nos preços da energia.

  • Telão em Xangai mostra flutuação dos mercados acionários
    Reuters

    XANGAI (Reuters) – Um índice das principais ações chinesas terminou em alta nesta quinta-feira, com ganhos nos setores industrial e financeiro compensando a fraqueza nas empresas de consumo básico, enquanto papéis do setor de energia tiveram alta graças aos fortes preços do petróleo e do carvão.

  • Pedestre caminha em frente à Bolsa de Valores de Xangai
    Reuters

    XANGAI (Reuters) – As ações da China terminaram em queda nesta quarta-feira, com empresas de saúde em baixa devido a preocupações de que os Estados Unidos coloquem algumas empresas de biotecnologia em listas negras de investimento e exportação, enquanto casos de Covid-19 ressurgentes também pesaram no

  • Pessoas passam pela frente de painel eletrônico com cotações do mercado financeiro
    Reuters

    XANGAI (Reuters) – As ações da China terminaram em queda nesta terça-feira, com perdas em setores de materiais básicos, finanças e consumo discricionário, em meio a preocupações sobre o impacto da variante Ômicron da Covid-19 e riscos de dívidas enfrentados pelas incorporadoras imobiliários.

  • Pedestre caminha em frente à Bolsa de Valores de Nova York
    Reuters

    Por Shreyashi Sanyal (Reuters) – Os contratos futuros dos principais índices de ações dos Estados Unidos subiam nesta segunda-feira, puxados por ganhos da Apple, que se aproximava de 3 trilhões de dólares em capitalização de mercado, enquanto investidores aguardavam a reunião do banco central norte-americano nesta

Negoceie com uma corretora regulada

ISENÇÕES DE RESPONSABILIDADE IMPORTANTES
O conteúdo fornecido no site inclui notícias e publicações gerais, nossas análises e opiniões pessoais e conteúdos fornecidos por terceiros, que se destinam apenas a fins educacionais e de pesquisa. Não constitui, e não deve ser lido como, qualquer recomendação ou conselho para tomar qualquer ação, incluindo fazer qualquer investimento ou comprar qualquer produto. Ao tomar qualquer decisão financeira, você deve realizar suas próprias verificações de due diligence, aplicar seu próprio critério e consultar seus consultores competentes. O conteúdo do site não é dirigido pessoalmente a você e não levamos em consideração sua situação ou necessidades financeiras. As informações contidas neste site não são necessariamente fornecidas em tempo real nem são necessariamente precisas. Os preços aqui fornecidos podem ser fornecidos por criadores de mercado e não por bolsas. Qualquer negociação ou outra decisão financeira que você fizer será de sua total responsabilidade, e você não deve confiar em nenhuma informação fornecida por meio do site. FX Empire não fornece qualquer garantia em relação a qualquer informação contida no site, e não será responsável por quaisquer perdas comerciais que você possa incorrer como resultado do uso de qualquer informação contida no site. O site pode incluir anúncios e outros conteúdos promocionais , e FX Empire pode receber compensação de terceiros em conexão com o conteúdo. FX Empire não endossa terceiros ou recomenda o uso de serviços de terceiros, e não assume responsabilidade pelo uso de qualquer site ou serviços de terceiros. FX Empire e seus funcionários, executivos, subsidiárias e associados não são responsáveis nem devem eles serão responsabilizados por qualquer perda ou dano resultante do uso do site ou da confiança nas informações fornecidas neste site.
ISENÇÃO DE RISCO
Este site inclui informações sobre criptomoedas, contratos por diferença (CFDs) e outros instrumentos financeiros, e sobre corretores, bolsas e outras entidades que negociam esses instrumentos. Tanto as criptomoedas quanto os CFDs são instrumentos complexos e apresentam um alto risco de perda de dinheiro. Você deve considerar cuidadosamente se você entende como esses instrumentos funcionam e se você pode assumir o alto risco de perder seu dinheiro. A FX Empire o incentiva a realizar sua própria pesquisa antes de tomar qualquer decisão de investimento e evitar investir em qualquer instrumento financeiro que você não entende totalmente como funciona e quais são os riscos envolvidos.